Destaques

THE CATEGORY IS... | PIORES DE 2019!

Por Bárbara Herdy •
terça-feira, 31 de dezembro de 2019

Hey, Mates! Tudo bem com vocês?



Deu ruim! MUITO RUIM. É bem desagradável fazer a listinha daquelas obras que não agradaram, até por quê é uma questão de ponto de vista, momento, sentimental, entre outros. O que não me agradou pode ter sido um barato para uma outra pessoa e vice versa.
Eu escolhi essas três obras do cinema, literatura e série seguindo algumas regrinhas pessoais: desenvolvimento narrativo, personagens e motivo para ser assim. Bem belezinha, né? Vamos lá!


DARK PHOENIX

dir. Simon Kinberg

Eu vi esse filme e eu não acredito que perdi HORAS da minha vida para assistir isso. O roteiro é cheio de furos. Não faz sentido algum na linha temporal criada para esse novo universo do XMEN. Não faz sentido como um filme "solo" dentro desse UNIVERSO. Não faz sentido como um PREQUEL para algo. Não faz sentido. Não dá para falar das atuações, pois os atores demonstram desconforto e estarem perdidos em cena. Não dá para torcer pela Jean quando não há carisma em cena. Não há desenvolvimento de personagens para ninguém, além das mortes sem pé e cabeça na mitologia dos quadrinhos. É um filme passável. Dá para assistir para se distrair? A sua conta em risco. Tem filmes de heróis que merecem mais a sua atenção no momento, como Shazam! e Aquaman. X Men não encontrou seu tom nos cinemas e termina como começou essa "nova" fase sem carisma, sem conexão com público e sem importância.





O VALE DOS MORTOS, DE RODRIGO DE OLIVEIRA


Esse livro tinha TUDO para ser o inicio de uma onda de livros de Apocalipses no Brasil e para mim, ele se tornou um livro decepcionante, mais do mesmo no gênero e nos nossos livros contemporâneos. A trama é interessante, tem um lado místico que dá a entender ao longo da leitura que é o grande causador do Apocalipse e a transformação dos humanos em feras canibais, MAS isso se perde no primeiro livro e se torna só mais um dos TANTOS assuntos que o autor quer tratar e não desenvolve. O roteiro é plausível, mas o desenvolvimento da trama é expositivo demais e poderia ter passado por uma edição mais dura em muitas cenas. O livro é em terceira pessoa o que só intensifica o excesso de exposição que poderia ser sucinto. Diálogos fracos e muitas das vezes sem expressão. Os personagens... ah, os personagens é uma reclamação a parte. O protagonista é o Tom Cruise do Brasil, ele é incrível, másculo, sabe tudo, todos confiam nele na primeira olhada, ele é o mais desejado, é a Linda Evangelista dos Apocalipse. As mulheres são descritas e mal e porcamente desenvolvidas de maneira clichê pela ótica de um autor que, coloca a mulher como um objeto sexual que está ali para ter seu corpo descrito, ser abusada psicológica e fisicamente, além de sofrer machismo (ex. quando uma das personagens é dita como ótima com armas, MESMO SENDO UMA MULHER). Se AO MENOS essas situações rolassem para ter um papel na trama e um desenvolvimento nos personagens, but no, não acontece. Ainda rola estereotipo também!

Para os fãs de Zumbi e distopia, leia por sua conta a risco. Pretendo continuar a ler a série (que, teve melhoras sim, mas continua pecando NOS MESMOS PROBLEMAS aqui descritos). 





GAME OF THRONES
A ÚLTIMA TEMPORADA


Ao menos acabou, né? Roteiro CHEIO de buracos. Enredos apressados. Personagens que esquecem quem eles foram ao longo de 7 anos de trama e se transformam naquilo que mais abominavam SEM CONSTRUÇÃO E DESENVOLVIMENTO PARA ISSO. Edição PORCA que leva o público a entender uma coisa por conta de um corte quando a exposição é outra. E os atores ali, fazendo uma horinha para pagar os boleto, né? Perdidos sem uma direção que entendem seus personagens e muito deles, claramente desmotivados com o caminhar dos seus personagens, é só ver algumas entrevistas com a estréia da última temporada.

Game of Thrones não perde seu posto de uma das melhores fantasias trazidas a vida e talz, mas a sua queda é expressiva e seu final uma decepção que até para aquela pessoa que não é muito fã, fica meio que sem entender o que acabou de assistir.

Para mim essa temporada só foi positiva por nos trazer o TERCEIRO episódio que foi pontual, bem construído e PARECEU GAME OF THRONES que a gente acompanhou e amou, e também por aquela fotografia da Daenerys com as asas do Drogo que ficou LINDO DEMAIS! Tirando isso... vou fingir que acabou no terceiro episódio e a Daenerys tá bem com os filhos dragões dela e o Jon tá bebendo uma cerva com a irmã Rainha.



E aí, quais foram as suas maiores decepções no cinema, séries e livros? Deixa aí nos comentários!

Um beijão da Bárbara Herdy ♥




Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

© Hey, Mates! – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in